Agosto Dourado: especialista responde as 7 principais dúvidas sobre amamentação

Nesta segunda-feira, dia 1° de agosto, é comemorado o Dia Mundial do Aleitamento Materno (amamentação). Para quem já passou pela fase, entende as diversas dúvidas que surgem no período, o que é extremamente normal, especialmente em mulheres que acabaram de concluir a primeira gestação.

A fase é fundamental para a saúde da criança e da mãe, contudo, ainda é envolta em perguntas. Para sanar essas dúvidas e tornar o período mais tranquilo, a ginecologista e obstetra Dra. Erica Mantelli respondeu sete das principais questões sobre o tema. Confira abaixo! 

mulher amamentando sentada na cama
Agosto Dourado: confira as 7 principais dúvidas sobre amamentação. Imagem: Shutterstock
  1. Estresse atrapalha a amamentação? 

“O estresse estimula a produção de uma quantidade de adrenalina capaz de bloquear os hormônios da amamentação. Por isso, mães ansiosas e estressadas tendem a produzir menos leite sim”, explicou a ginecologista.

  1. Por que meu leite parece fraco? 

Depois do parto, a mulher, usualmente, começa a produzir o leite mais adequado para o bebê, por isso, o alimento tem fases e sua coloração e composição varia. “No início, o leite é mais claro e aguado porque tem a função de hidratar e saciar a sede do bebê. Depois, começa a ficar mais encorpado por conta da quantidade de gordura, que serve para alimentar a criança.”

  1. Amamentar dói? 

Segurando o bebê do jeito certo, a amamentação não deve doer e, ao contrário, deve ser um momento prazeroso de interação com o bebê. “Algumas mulheres podem ser mais sensíveis e sofrer com a mama inchada nessa fase. Se houver muito desconforto na hora da mamada, é importante procurar um ginecologista para verificar se há sinais de infecção”, alertou.

  1. Posso amamentar com silicone? 

“Sem problema algum, o implante de silicone não atrapalha a produção de leite. O próprio cirurgião plástico irá escolher uma técnica que não afete a glândula mamária.”

  1. Posso congelar o leite? 

A médica afirma que, ao contrário do que muitas mulheres pensam, o leite pode ser congelado. Ele deve ser retirado e imediatamente armazenado em recipiente estéril no congelador ou freezer por até 15 dias. Na geladeira, o leite pode ser conservado por até 12 horas.

  1. Qual é a melhor posição para o bebê mamar? 

“A mulher deve sentar e encostar o bebê em seu corpo, com a cabecinha apoiada no antebraço do mesmo lado do seio que será oferecido. A mãe também pode usar um travesseiro para elevar o bebê sem cansar o braço.”

  1. Até quando devo amamentar? 

O ideal é que a amamentação seja o único alimento da criança até os seis meses e, depois, passe a mamar esporadicamente até os dois anos. “A partir do sexto mês, a mãe deve começar a revezar as mamadas com alimentos e líquidos”, concluiu a especialista.

Leite materno
Agosto Dourado: confira as 7 principais dúvidas sobre amamentação. Imagem: RaspberryStudio/Shutterstock

De acordo com resultados preliminares do Estudo Nacional de Alimentação e Nutrição Infantil (Enani) do Ministério da Saúde, os índices de aleitamento materno estão aumentando no Brasil. Segundo dados, mais da metade (53%) das crianças brasileiras continuam sendo amamentadas no primeiro ano de vida. Entre as menores de seis meses, o índice de amamentação exclusiva é de 45,7%. Já nas menores de quatro meses, de 60%.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.