Aluno assassinado na escola sonhava jogar futebol e havia assinado contrato com clube de PE

O jovem assassinado em uma escola no bairro do Colinas do Sul, em João Pessoa, sonhava jogar futebol e havia assinado contrato como atleta profissional com um clube de Pernambuco. João Victor, de 18 anos, foi atingido por tiros efetuados por um atirador que invadiu a escola Escola Estadual de Ensino Médio Cineasta Linduarte Noronha, em Gramame, na Zona Sul de João Pessoa.

Segundo o pai da vítima, que foi ferida na cabeça, o clube com que o filho havia assinado é o Santa Fé. José, pai da vítima – que também já jogou em alguns clubes da capital paraibana – disse que o contrato havia sido assinado há 15 dias. “Ele só não estrou semana passada porque tava chovendo muito em Recife. Ia se apresentar. A gente não sabe o que pode ter acontecido, se o crime tem haver com alguma namorada ou inveja”, disse.

Ainda com relação ao crime, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionado, mas apenas constatou o óbito da vítima. A Polícia Militar também foi chamada e isolou o local do crime até a chegada da perícia.

Câmeras de segurança instaladas nas redondezas podem auxiliar a polícia na identificação do atirador, que não havia sido identificado.

Fonte: Portal T5

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.