Ao vivo: CPI recebe deputado Luis Miranda e servidor da Saúde

A CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) da Covid no Senado ouve, nesta 6ª feira (25.jun.2021), o deputado Luis Miranda (DEM-DF) e Luis Ricardo Miranda, ex-chefe de Importação do Departamento de Logística em Saúde e irmão do congressista. Eles falam sobre as irregularidades na compra da vacina indiana Covaxin contra covid-19.

A comissão investiga o uso do dinheiro federal que foi enviado para cidades e Estados, além de supostas omissões do governo federal no combate à pandemia.

Cada integrante da CPI terá 5 minutos para questionar o os convocados, que terão 5 minutos para responder. Haverá, se necessário, 3 minutos de réplica e 3 minutos de tréplica.

Segundo o regimento interno da Casa, os 18 integrantes do colegiado têm prioridade para fazer perguntas, embora todos os senadores possam formular questionamentos de 3 minutos.

Assista ao vivo:

deputado disse ter alertado o presidente Jair Bolsonaro sobre irregularidades no contrato de compra do imunizante. Como prova, mostrará à CPI fotos dele e do irmão, o funcionário público Luis Ricardo Miranda, no dia do encontro com Bolsonaro.

O presidente afirmou, nesta 5ª feira (24.jun), que conversou com o deputado“Conversou, conversou sim, não vou negar isso aí”, disse Bolsonaro em sua live semanal, transmitida ao vivo em suas páginas oficiais. Porém, ele critica o ex-aliado, a quem se referiu como “deputado aí que tem uma ficha, um prontuário bastante extenso”.

O presidente do DEM no DF, Alberto Fraga, disse que o partido poderá expulsar Luis Miranda se os documentos mencionados forem falsos, como afirmou o ministro Onyx Lorenzoni –também filiado ao Democratas. O deputado disse ter provas da veracidade.

Poder 360

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *