Após anúncio de Efraim Filho, João Azevêdo diz que deputado tem projeto pessoal e que nada se constrói com imposição: “cada um segue o caminho que deseja”

Após o anúncio da saída de Efraim Filho do grupo do governo do Estado, o governador João Azevêdo diz que deputado tem projeto pessoal e que nada se constrói com imposição. Ele reforçou  que após o afastamento de família Moares o objetivo  é  manter partido unido e que nas próximas horas haverá uma nova reunião para discutir o assunto.

“Cada um segue o caminho que deseja, que quer, e com as suas justificativas que tentam colocar. Evidentemente que a posição do deputado é de um projeto, um projeto pessoal. Porque a partir do momento que alguém diz que é candidato ao Senado seja de onde for, seja qual for a chapa, de oposição, de governo, apoiando o governo, contra o governo, é uma posição individual”, explicou.

O governador falou ainda que é uma posição individual,  não é um projeto de grupo. “Projeto de grupo a gente senta para discutir. E se tudo na vida, a gente vencesse todas, conseguisse todos os objetivos, era uma maravilha. Mas, principalmente, em política, você cede um pouco, você avança noutra direção e é assim que se constrói. Mas não com imposição. Não é assim que funciona”, enfatizou.

Fonte: Click PB

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.