BAYEUX- Perícia atesta que carta-renúncia vazada à imprensa não foi assinada pelo vereador eleito Josimar Versalle

Novidade na política de Bayeux. Laudo grafotécnico assinado pelo perito Bruno Caldas Dantas, atestou que assinatura de uma suposta carta-renúncia não foi escrita pelo vereador eleito, Josimar Versalle.  A perícia foi solicitada pelo advogado do vereador, Alberdan Coelho, após vazamento da suposta carta com a assinatura falsa de Josimar.

  Suposta carta-renúncia vazada à imprensa

“ Isto posto, este perito, após meticulosos cotejos grafoscópicos, identificou 20 divergências de ordem geral e grafocinética encontradas por esse parecerista, onde destacam-se as seguintes divergências: Aspecto geral da escrita; Velocidade Gráfica; Ritmo Gráfico; Dinamismo Gráfico ou Grau de Habilidade do Punho escrevente, escrevente, onde fica evidente que as escritas questionada apresentam maior habilidade na escrita”, destacou o perito.

Entenda o caso 

Segundo informações divulgadas pela imprensa, pelo menos 10 vereadores, sendo oito deles novatos, teriam sido obrigados a assinar cartas renunciando seus mandatos como forma de assegurar a fidelidade e impedir que eles migrem para outra candidatura na eleição da próxima Mesa Diretora da Casa.

Clique no Laudo abaixo:

LAUDO EXTRA JUDICIAL. PERITO BRUNO CHIANCA. JOSIMAR ADÃO VARSALLE

One thought on “BAYEUX- Perícia atesta que carta-renúncia vazada à imprensa não foi assinada pelo vereador eleito Josimar Versalle

  • 14 de janeiro de 2021 em 01:28
    Permalink

    Recall that drafting too much attending from the administrators may conduct to the being determined
    and taped before you and your friends tally truly confiscated engorged advantage.

    Resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.