Chefe de facção criminosa do Ceará que ostentava vida de luxo é presa

A polícia da Bahia prendeu na última semana em Salvador uma mulher suspeita de chefiar uma organização criminosa no Ceará. A operação ocorreu em conjunto com as forças de segurança cearenses e surpreendeu Jéssica Andrade, de 28 anos, quando ela fazia compras em uma loja de cosméticos.

Jéssica era companheira de Vicente Antônio de Freitas Filho, conhecido como “Vicente Peru”, de 36 anos. O homem é detentor de posição de chefia de uma organização criminosa do Ceará. Ele foi capturado em 2016, no Estado de Goiás. Após a transferência dele para o Sistema Penitenciário Federal, em 2017, Jéssica passou a exercer funções do chefe criminoso no grupo, tendo amplo conhecimento dos negócios ilícitos do agora ex-companheiro.

Jéssia atuava como influencer antes de passar a comandar as ações criminosas. Ela chamou a atenção das autoridades em razão da vida de luxo que mantinha e que divulgava nas redes sociais. Ela postava imagens em lanchas e helicópteros, entre outras. Segundo a investigação, ela participou de crimes e ficava viajando para despistar a polícia. A atuação dela segue sendo investigada.

Fonte: R7.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.