COP26: Brasil promete redução de 50% na emissão de gases até 2030

O ministro do Meio Ambiente, Joaquim Leite, anunciou que o Brasil pretende ampliar as metas climáticas, reduzindo a emissão de gases de efeito estufa em 50% até 2030. A estimativa anterior era uma redução de 43% na emissão. O anúncio foi feito de forma virtual, durante a abertura da Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas de 2021 (COP26), na manhã desta segunda-feira (1º).

O ministro também anunciou a “neutralidade de carbono” até 2050. A ampliação da meta será formalizada durante evento das Nações Unidas. A conferência teve início neste domingo (31), em Glasgow, na Escócia. A programação se estende até o dia 12 de novembro.

“Neste momento, os olhos do mundo estão voltados para soluções, soluções inovadoras que proporcionem avanços econômicos, com crescimento verde. E o Brasil é parte dessa solução”, disse o ministro, reforçando o que havia sido dito pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, também no pronunciamento de abertura da COP26.

Presidente Bolsonaro

PIERO CRUCIATTI/AFP – 1º.11.2021

Leite afirmou que o Brasil realizou encontros bilaterais prévios com mais de 60 países e que foi responsável por “dezenas de reuniões técnicas”, tendo atuado como articulador na busca por diálogo e pontos de convergência.

“Essa Conferência das Partes é especial, e devemos juntos fazer uma transição do debate das mudanças climáticas para a criação de empregos verdes; de apontar fragilidades ambientais dos outros para ações globais colaborativas, rumo ao futuro melhor para todos”, disse.

O ministro ainda afirmou que o financiamento climático é urgente “para que o mundo possa fazer frente aos desafios apresentados”. “É fundamental que tenhamos robustos volumes, e nas quantidades necessárias, para que a transição e a contribuição dessa nova economia ocorram de forma justa em cada região do planeta.”

Brasil na abertura da COP
O discurso do ministro Joaquim Leite foi feito ao vivo, de Brasília. Minutos antes, foi exibido um pronunciamento em vídeo de Bolsonaro. Em sua fala, o presidente anunciou que o chefe da pasta do Meio Ambiente apresentaria novas metas climáticas durante a COP26.

Bolsonaro está na Itália, onde participou de reunião do G20 (grupo das 20 maiores economias do mundo) e recebeu homenagem na comuna de Anguillara Veneta, na província de Pádua. Os avós do presidente são originários da cidade europeia e vieram para o Brasil no fim do século 19.

Fonte: R7.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.