Homem é preso nos EUA por rastrear a namorada usando Apple Watch

Um homem de 29 anos foi preso em Nashville, no estado norte-americano do Tennessee, por rastrear e vigiar a própria namorada utilizando um Apple Watch.

Segundo a emissora regional WSMV, Lawrence Welch amarrou um relógio inteligente da Apple no raio de uma das rodas do carro da companheira — o que permitia a ele, usando recursos de localização, saber exatamente onde o veículo estava em tempo real.

A vítima foi a um centro de segurança familiar na cidade para denunciar o namorado e pedir uma ordem de restrição, já sabendo que estava sendo vigiada e após ter recebido ameaças de morte. O homem apareceu no lugar em seguida e a polícia foi chamada para efetuar a prisão, pegando ele no flagra ao tentar retirar o relógio do automóvel.

Tudo ao vivo

Esse tipo de monitoramento ilegal tem sido registrado utilizando outro dispositivo da Maçã: as etiquetas inteligente AirTags, que são mais discretas e podem ser escondidas mais facilmente em bolsas ou veículos. Recentemente, a empresa até anunciou medidas para que os acessórios não sejam utilizados de forma criminosa.

Apple watch series 7Novo Apple Watch Series 7, anunciado no final de 2021.

Welch, entretanto, estava utilizando um aplicativo de localização de familiares chamado Life360, um polêmico serviço que é mais usado para rastrear celulares de parentes — mas pode ter usos condenáveis, como a vigilância entre casais.

Fonte: WSMV

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.