Início da emissão do novo RG e fim do Auxílio Brasil de R$ 400; veja os destaques da semana

Em cumprimento à PEC dos Benefícios, que elevou para R$ 600 o valor do Auxílio Brasil a partir de agosto, o pagamento do subsídio de R$ 400 será finalizado nesta semana. A última parcela será paga de forma escalonada, de acordo com o último número do Número de Identificação Social (NIS).

Dando continuidade ao calendário iniciado na semana passada, receberá a parcela de julho nesta segunda-feira (25) aquele beneficiário que tem o NIS com final 6. A última cota será paga nesta sexta-feira (29). Confira como fica:

– Final do NIS: 6 (25 de julho, segunda-feira)
– Final do NIS: 7 (26 de julho, terça-feira)
– Final do NIS: 8 (27 de julho, quarta-feira)
– Final do NIS: 9 (28 de julho, quinta-feira)
– Final do NIS: 0 (29 de julho, sexta-feira)

Auxílio Brasil é voltado para pessoas em situação de vulnerabilidade econômica e social. Para estar habilitada, a família precisa ter os dados atualizados no Cadastro Único nos últimos 24 meses e não pode ter informações diferentes entre o cadastro e outras bases federais.

Nova carteira de identidade

A nova carteira de identidade começa a ser emitida a partir desta terça-feira (26). As primeiras unidades serão expedidas no Rio Grande do Sul. De acordo com o governo federal, seguirão nos dias seguintes os órgãos de identificação civil no Acre, Distrito Federal, Goiás, Minas Gerais e Paraná. Ainda não há previsão de emissão nos demais estados.

De acordo com o Ministério da Economia, “neste primeiro momento, somente serão emitidas as novas identidades para cidadãos que estiverem com as informações no CPF de acordo com suas certidões atualizadas. Cidadãos que não possuírem ou estiverem com as informações incorretas no CPF poderão recorrer aos canais de atendimento à distância da Receita Federal para resolver sua situação. No futuro, os próprios órgãos de identificação civil farão novas inscrições e atualizações no CPF”.

Incentivo do TSE para as eleições

Termina neste sábado (30) a propaganda institucional do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) destinada a incentivar a participação feminina, dos jovens e da comunidade negra na política, bem como a esclarecer cidadãos sobre as regras e o funcionamento do sistema eleitoral brasileiro. O TSE tem feito essa promoção nas emissoras de rádio e televisão, durante cinco minutos diários, desde o dia 1º de abril.

Fonte: R7.com

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.