Sessão conjunta do Congresso vai analisar LDO e vetos presidenciais

A sessão conjunta do Congresso Nacional sobre a votação do projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) 2023 e de alguns vetos presidenciais será retomada nesta terça-feira (12). A discussão foi suspensa pelo presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), nessa segunda-feira (11), devido à falta de consenso entre as bancadas partidárias.

A liderança do governo no Congresso havia pedido que a LDO fosse o primeiro item da pauta antes dos vetos presidenciais, mas a oposição se posicionou contra. A justificativa era de que alguns vetos trancavam a pauta de votações do Congresso porque ultrapassaram o prazo regimental de análise.

Senador Marcos do Val (Podemos-ES)

Senador Marcos do Val (Podemos-ES)

ROQUE DE SÁ/AGÊNCIA SENADO

Pacheco, no entanto, lembrou que a LDO também tem um prazo constitucional e decidiu que ela seria votada antes. A atitude do presidente do Senado não foi bem recebida por alguns partidos, que prometeram recorrer.

Na sequência, os deputados e senadores entraram em um novo embate e passaram a discordar sobre uma alteração feita pelo senador Marcos do Val (Podemos-ES) ao projeto da LDO. Com a sessão já em andamento, o parlamentar anunciou que iria excluir do relatório dele o trecho que estabeleceria caráter obrigatório às emendas de relator.

Fonte: R7.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.