TRF 3 sofre ataque cibernético e fica com serviços indisponíveis

Tribunal Regional Federal (TRF) da 3ª Região (São Paulo e Mato Grosso do Sul) sofreu um ataque cibernético nesta quarta-feira (30) que deixou indisponível os serviços prestados pelo órgão. Apesar do caso, o órgão salientou que não houve “comprometimento dos dados armazenados”.

O próprio TRF 3 se pronunciou sobre a situação em um aviso na página inicial do site oficial. O ataque também acabou afetando a página da instituição, que até a tarde de hoje não mostrava nada além do comunicado sobre o ocorrido.

O assunto repercutiu nas redes sociais, onde várias pessoas falaram sobre a situação e as dificuldades por causa da indisponibilidade dos serviços do Tribunal.

Ainda sem previsão de retorno

O TRF 3 também informou ao público que não há previsão para o restabelecimento dos serviços e que continuará informando às pessoas sobre o ocorrido na página inicial do portal.

“As diligências efetuadas pela Secretaria de Tecnologia da Informação do órgão possibilitaram a identificação do tipo de ataque sofrido e a definição da estratégia a ser seguida na apuração dos fatos e na restauração progressiva da infraestrutura tecnológica do Tribunal”, diz trecho do texto postado.

Apesar da identificação, por enquanto ainda não se sabe a origem e nem a motivação do ataque cibernético desta quarta-feira.

Fontes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.