Uso da Ivermectina é aprovado em João Pessoa.

Primeiramente o Paraiba Web destaca que o uso da ivermectina e as outras medidas trataram-se de solicitações, por meio de requerimentos direcionados ao secretário da saúde Fábio Rocha. Em seguida a Câmara Municipal de João Pessoa aprovou ambos em plenário. Antes de tudo destacamos que esta não foi a única oportunidade que a vereadora Eliza se colocou favorável ao este tratamento precoce. Confiram.

Vereadora Eliza se põe favoravel ao tratamento precoce e uso da Ivermectina.

Argumentos para aprovação

Considerações acerca do zinco e vitamina D

Antes de mais nada o requerimento considera que o zinco e a vitamina D são substâncias com atuação no funcionamento do sistema imunológico. Contudo até o momento não há consenso científico. Sobretudo com seu emprego específico em pacientes com o novo coronavírus. Mas sabe-se que o sistema imunológico é responsável pela resposta do nosso corpo a infecções, e é ele que atua no controle de vírus e bactérias nocivos ao organismo.

Em conclusão também leva-se em consideração que a população mais carente não se alimenta bem ao ponto de terem em seus organismos níveis adequados dessas vitaminas. Logo o uso do zinco e da vitamina D auxiliariam não só no tratamento precoce como na reposição das vitaminas.

Considerações acerca do uso da Ivermectina

Antes de mais nada voltamos a debater o tratamento precoce em várias partes do mundo. Não obstante devemos levar em consideração que o uso da ivermectina faz parte deste tratamento preventivo da Covid-19

Em Portugal, um grupo de médicos pediu às autoridades de Saúde a inclusão da Ivermectina no combate ao novo coronavírus.

Ao mesmo tempo em que um grupo de médicos portugueses criaram uma petição pedindo às autoridades de saúde a inclusão do uso da ivermectina no tratamento precoce da COVID-19.

Nota Técnica n° 1/2021 (NT) – Assistência integral a pacientes de covid-19 com uso da ivermectina.

Primordialmente trata-se de um documento, de 117 páginas. Nesse sentido ele baseia-se em evidências científicas que possibilitam a indicação de terapia farmacológica segura e eficaz para a Covid-19. Por exemplo, com vistas à rápida redução da carga viral e dos marcadores inflamatório. Segundo a nota este é o principal objetivo do tratamento inicial. Como uso da ivermectina.

MANIFESTO PELA VIDA – MÉDICOS DO TRATAMENTO PRECOCE BRASIL.

No Brasil debate-se o tratamento precoce ao covid-19 e o uso da ivermectina , já há tempos. Desde já, um tema tão relevante não poderia passar despercebido por João Pessoa. Nesse ínterim em 16 de fevereiro de 2021 (Anexo) um “manifesto pela vida” foi feito à sociedade brasileira.

A primeira vista o manifesto é um apelo aos colegas médicos, aos órgãos de imprensa, aos Conselhos Regionais de Medicina e ao Conselho Federal de Medicina. Ainda assim o uso da ivermectina ainda causam divergência entre a classe médica.

De antemão, no documento um grupo de médicos se MANIFESTAM a favor da intervenção precoce no tratamento da Covid-19. A princípio indicam o uso da correta combinação de medicações como a hidroxicloroquina, a ivermectina, a bromexina, a azitromicina, o zinco, a vitamina D, anticoagulantes…Além disso estimulam o uso dos corticoides, que têm um momento certo para sua utilização nas fases inflamatórias da doença.

Paraiba Web

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.